Gravatal surgiu como um povoamento da Colônia de Santo Antônio de Laguna – atual Laguna, através do deslocamento de seus moradores para essa localidade. Seu grande fundador foi João Martins de Souza, que se estabeleceu no local e desenvolveu ali atividades econômicas como grandes lavouras de mandioca e cana-de-açúcar e alambiques. A partir de 1880 começaram a chegar os primeiros imigrantes italianos e em 1910, os alemães. Gravatal foi elevada a município em 1961 e recebeu este nome, em função de uma planta chamada gravatá, muito abundante na região.

Hoje com aproximadamente 11.000 habitantes, Gravatal tem como principais atividades econômicas o turismo e a agricultura. Dona de uma das melhores águas termo-minerais do mundo, com temperatura média de 37º C, Gravatal recebe pessoas de todos os cantos do Brasil e do mundo. Além das águas termo minerais, o município é rico em belezas naturais e acolhe variados serviços de terapias alternativas.

Para quem aprecia e quer levar para casa artesanato, produtos coloniais e vestuário, um passeio pelo centro de Termas de Gravatal é uma ótima opção.